Accueil Non classifié(e) Abóbora de abóbora-menina, queijo azul e nogueira desmoronada

Abóbora de abóbora-menina, queijo azul e nogueira desmoronada

Catégorie : Non classifié(e)Sal

Um belo desmoronamento sazonal! Adoro abóbora-menina e foi-me dada a boa ideia de um saboroso desintegrar-se com nozes. Aqui adiciono um pouco de queijo azul para contrabalançar a doçura do abóbora. É um verdadeiro deleite. É estaladiço e saboroso como pode ser. E não está nada seco. Pensaria assim com a fotografia, mas pelo contrário! Perfeito com uma salada simples ou para acompanhar carne.

Receita para 4 a 6 pessoas:

  • 2 abóboras médias orgânicas de abóbora-menina
  • 3-4 dentes de alho, descascados e finamente cortados
  • 125g de queijo azul (ou Roquefort ou Saint Agur)
  • 125g de nozes
  • 3 colheres de sopa de creme completo
  • azeite de oliva
  • sal, pimenta

Para o batedor desintegrado:

  • 85g de nozes
  • algumas folhas de rosmaninho
  • 145g de farinha
  • 10g de açúcar
  • 160g de migalhas de pão
  • 55g de queijo parmesão
  • 140g de manteiga semi-salgada à temperatura ambiente
  • pimenta

Comece por limpar bem a abóbora. Tomei as orgânicas para não ter de as descascar.

Corte-os ao meio.

Retirar as sementes e cortar em pedaços.

Fazer o mesmo para a segunda abóbora. Colocar todas as peças num prato de caçarola. Temperar com sal e pimenta, adicionar o alho fatiado e polvilhar generosamente com azeite de oliva.

Cozer durante 40 minutos a 210°C num forno ventilado.

Deixar arrefecer, depois adicionar as nozes picadas.

O queijo (eu usei Saint Agur) e polvilhe com um pouco de creme. Acrescentar pimenta a gosto.

Para a massa de alecrim ralada: misturar as folhas de alecrim e as nozes.

Verter para dentro de um recipiente.

Acrescentar o resto dos ingredientes.

Adicione muita pimenta!

Misturar com a ponta dos dedos até ter uma massa lisa que se parte ao ser prensada.

Verter para dentro do prato, fazendo bons pedaços.

Cozer durante 35 minutos, desta vez a 170°C.

Está pronto! Servir com uma boa salada ou carne.

Laisser un commentaire