Accueil Doce Manteiga de Amendoim Daifuku Mochi

Manteiga de Amendoim Daifuku Mochi

Difficulté : Fácil
Catégorie : Doce
Cout : Barato
Daïfu o quê???? Ainda não conhece o “daïfuku mochi”? Aqueles deliciosos pastelinhos japoneses? Bem, terá de começar, porque eu pretendo dar-lhe várias receitas!  A textura é macia e fofa, ultra fresca, e sem sabor se não se acrescentar nada (é farinha de arroz pegajosa). Há vários meses que estudo estas pequenas coisas, de Tóquio a Osaka e Los Angeles (ver o relatório culinária AQUI, onde vos apresento a pastelaria Fugetsu-do) em São Paulo (a maior comunidade japonesa fora do Japão…). Porque experimentei todos os métodos existentes (bem, quase todos, porque nunca se termina de aprender!) e nunca consegui o resultado desejado. Cozi os mochi, cozi-os ao vapor, cozi a massa na forma de um bolinho, enrolei, esmaguei, deitei fora… Mas não, não consegui encontrar a textura certa, apesar de ser realmente bastante simples. O mesmo se aplica às proporções, onde já fiz muitas tentativas e erros! Assim, dou-vos a minha receita com manteiga de amendoim recheada “mochi”, que não é muito tradicional  mas de mais fácil acesso para uma primeira abordagem. 
Não esqueçamos a origem dos “mochis”, que vieram originalmente da China, ver as minhas receitas de bolas de coco AQUI e “maqiu” AQUI (uma é cozida a vapor e a outra frita). 

Assim, tentei vários métodos antes de chegar a este, que parece o mais simples: uma massa preparada no microondas em poucos minutos, na qual é introduzido um recheio congelado para facilitar o manuseamento. Fazendo uma bola pressionando a massa com uma mão (à maneira de alguns pastéis do Magrebe). Sugiro então um método de moldagem que penso ser mais fácil do que as versões em que se achata a massa com um rolo para a encher. Se o fizer, o fecho será visível e demasiada goma será adicionada desnecessariamente. Ao fazer esta pequena bola, será muito fácil inserir o bolinho congelado. Também sugiro que trabalhe aos pares porque se tiver de lavar as mãos de cada vez (o mochi pode rasgar por causa de um pedaço de massa preso na sua mão), o trabalho será demasiado longo e perigoso! Cada pessoa terá uma tarefa dedicada: uma fará os bolinhos, enquanto a outra os encherá, mantendo as suas mãos limpas (para os enrolar bem antes de os deixar arrefecer). Uma espécie de trabalho de linha de montagem. Será ainda mais fácil com três pessoas: uma faz a bola, a outra a enche e a terceira a molda para um belo resultado! Portanto, esta será a minha primeira receita de equipa! Tragam os vossos tachos e panelas! 
Receita de “daifuku mochi” com manteiga de amendoim (para 12 peças):

-150g de farinha de arroz glutinoso
-40g de açúcar
-230g de água
-4 gotas de corante vermelho líquido (a videira vai fazer muito bem!)
-um frasco de manteiga de amendoim crocante
– amido de batata

Comece por fazer bolas de manteiga de amendoim. Para isso, arrefecer a manteiga de amendoim no dia anterior e depois colher as bolas com um balão de melão (aquele que se usa para fazer as bolinhas!). 
Pode preparar 12 deles.




Colocar os bolinhos num tabuleiro coberto com película aderente ou papel vegetal. Colocar no congelador durante pelo menos duas horas para formar bolas duras. Se não tiverem uma forma agradável, podem ser remodelados após arrefecimento. 


Quando os bolinhos estiverem frios, preparar a massa de mochi:
Colocar a farinha de arroz glutinosa, açúcar, água e corante numa tigela à prova de microondas. 




Misturar bem. Os grumos desaparecem por si mesmos graças à farinha de arroz glutinosa! 




A massa é muito fluida: isto é normal!




Colocar a taça no microondas em incrementos de 600W em incrementos de 30 segundos, misturando bem cada vez. 




Tudo depende da potência do forno, mas após alguns minutos (é muito rápido, mas cada vez por 30 segundos!!!) a massa sopra para cima. Parece um pouco como uma pastilha elástica. 




Colocar alguma fécula de batata (por exemplo, com um coador de chá) num prato ou superfície de trabalho. Verter a massa para esta cama de amido. 




Polvilhar novamente com amido. Isto protege contra o calor, uma vez que terá de manusear a massa enquanto está quente!




Por isso é mais fácil com duas pessoas! Pegar num pedaço de massa numa mão e pressionar a massa na palma da mão, empurrando-a para fora entre o polegar e o indicador para que forme uma pequena bola do tamanho de uma pequena bola de pingue-pongue. Está muito quente mas a massa deve ser moldada rapidamente! 




Com a outra mão, puxa esta bola e passa-a à outra pessoa que terá as suas mãos cobertas de amido. A segunda pessoa colocará então a bola de manteiga de amendoim congelada (que é portanto manejável) no centro da bola de massa de mochi onde foi rasgada. 
Depois fechar a bola de mochi por e pressionar a bola de manteiga de amendoim em e juntar a massa à bola de manteiga de amendoim. 




Feche bem e depois enrole a bola entre as mãos (adicionando um pouco de amido se necessário) para a arredondar. 




Fazer o mesmo para todas as bolas de mochi. Colocar sobre película aderente e sair para arrefecer. 




Se necessário, uma escova (com cerdas macias) pode ser utilizada para remover o excesso de fécula de batata. Aplaine-os ligeiramente entre as palmas das mãos. 
Sirva o mochi de manteiga de amendoim daifuku com chá! 
Armazenados em película aderente, estes “mochi” podem ser guardados por 4-5 dias! 

Laisser un commentaire