La sélection du moment

    As festividades de fim de ano aproximam-se a passos largos, o Natal está quase a chegar! Ofereço-vos uma selecção de receitas festivas para deliciar o vosso paladar e os vossos convidados. Tarama, foie gras, logs, dou-vos todos os meus segredos. Nesta selecção, há receitas recentes e outras que publico há quase 12 anos, por isso as fotos não são todas iguais! Basta clicar nas receitas para ter acesso a elas!

Início Sal Pasta Bolonhesa

Pasta Bolonhesa

Difficulté : Fácil
Catégorie : Sal
Cout : Acessível
Um molho saboroso que é ultra famoso em todo o mundo. O molho bolonhesa é na realidade um pouco mais complexo do que parece. Em Itália, é mais como um ragout de carne servido sobre massa (geralmente tagliatelle, não esparguete, ou em lasanha) com muitos ingredientes a ferver durante horas. Quanto mais cozinha, melhor é… Mina cozida durante quase 7 horas com um descanso nocturno. Já estive em Bolonha duas vezes na minha vida, mas na altura não tive a ideia para este blogue. Mas ali, todos têm a melhor receita da cidade e cada cozinheira tem o seu pequeno segredo que a torna única. Não há necessariamente muitos tomates neste molho. Mas acima de todas as outras coisas que são frequentemente esquecidas fora de Bolonha, tais como vinho tinto, aipo, pancetta, cogumelos porcini também… Nada de difícil, sendo a parte mais demorada a cozedura suave que dá a este prato todo o seu sabor. Apresento-vos aqui a receita mais tradicional, é claro que a podem adaptar ao vosso gosto! 

Receita para molho bolonhesa:

-1 cenoura grande ou 2 não muito grande
-1 cebola
-2 dentes de alho
-2 pequenos talos de aipo
-2 colheres de sopa de azeite de oliva
-30g de manteiga
-700g de carne moída 
-200g de fígados de frango
-200ml de vinho tinto 
-150ml de leite
-20g de cogumelos porcini secos (opcional)
-700ml de caldo de carne 
-150g de pancetta (ou bacon finamente cortado)
-180g de pasta dupla de tomate
-2 colheres de chá de açúcar
algumas folhas de salsa de folha plana finamente picada
-sal, pimenta

Para servir: tagliatelle e parmesão fresco

Prepare os seus legumes… 


Cortar finamente os dentes de alho.

Cortar a cebola em pequenos pedaços. Colocar o azeite, o alho e a cebola numa panela grande.


Cortar finamente os talos de aipo.  


Em seguida, cortá-los. 


Colocar na frigideira em lume brando e agitar. 


Cortar finamente a cenoura, primeiro em fatias.


Depois as fatias em paus e finalmente em cubos pequenos. 


Verter a mistura para a frigideira. 

Adicionar a manteiga e ferver em lume brando sem necessariamente colorir. 


Desta vez, é altura de adicionar a carne. Misturar bem para separar quaisquer tufos que se possam formar. 



Verter o vinho tinto. 


A pasta dupla de tomate (na foto, não há muito, mas acrescentei muito depois, e a quantidade na receita corresponde ao que utilizei). 



Verter no stock. Nesta fase, a coisa toda parece ser muito líquida. Isto é bastante normal…


Um pouco de açúcar para adoçar o molho (2 colheres de chá). 


E leite. Deixe-o ferver…


Entretanto, deixar os cogumelos porcini secos a inchar em água quente durante 20 minutos. Guarde o sumo cep! 



Depois cortá-los em pedaços e cortá-los finamente. 


Junte os ceps ao molho, eles cozinharão nele! Deite algum do sumo de porco que guardou… Em qualquer caso, o molho cozinhará durante muito tempo e mesmo que pareça muito líquido, será cozinhado com a consistência perfeita. 



Não muito glamoroso em imagens, mas vamos cortar alguns fígados de galinha… Pode passar sem ele, mas torna o “ragu” ainda mais suave. 



Para os colocar no molho que ainda está a cozinhar. 


Um pouco de salsa. 


E finalmente a pancetta. Pode ser substituída por banha de porco. 


Corte-o em pequenos pedaços/


Uma panela quente rápida para os brindar levementeL 


E salte para o molho! 


Ferva em lume brando durante 5-6 horas. Acrescentar sal e pimenta a gosto. 
Se o molho se tornar demasiado espesso, basta adicionar um pouco de água. O que faço: deixo-o cozinhar durante 5-6 horas, depois desligo o lume e deixo-o sentar durante a noite. No dia seguinte (porque os molhos são sempre melhores no dia seguinte…) Adiciono um pouco de água e deixo-o cozinhar suavemente de novo até ter a consistência perfeita! 



Claro, sirva o molho sobre massa “al dente” com algum parmesão acabado de ralar! Em Bolonha, este molho é servido em tagliatelle em vez de esparguete ou em lasanha! Uma delícia….

Deixe um comentário

La sélection du moment

    As festividades de fim de ano aproximam-se a passos largos, o Natal está quase a chegar! Ofereço-vos uma selecção de receitas festivas para deliciar o vosso paladar e os vossos convidados. Tarama, foie gras, logs, dou-vos todos os meus segredos. Nesta selecção, há receitas recentes e outras que publico há quase 12 anos, por isso as fotos não são todas iguais! Basta clicar nas receitas para ter acesso a elas!

Recettes Populaires