Seattle

Continuamos a nossa volta ao mundo gastronómico com Seattle. Uma cidade verdadeiramente surpreendente, quase retro-futurista. No programa da nossa visita, o passeio de Pike Place e depois o Centro de Seattle com as suas bancas no outro mundo e uma loja que é um paraíso para cozinheiros amadores ou profissionais…

Um sol brilhante estava à minha espera para começar a minha pequena excursão a Seattle. Não sabia que esta cidade acabaria por se revelar tão interessante de visitar. É acima de tudo um templo da gastronomia com uma multidão de restaurantes e uma série de lojas de venda de equipamento de cozinha…


Portanto, aqui estou eu no Pike Place Market, localizado quase à beira de um dos muitos lagos nesta bela área.


Para minha surpresa, foi também aqui que o primeiro Starbucks do mundo apareceu em Março de 1971. É na verdade a segunda, porque a primeira esteve noutra rua até 1976, mas a primeira já não existe desde essa data…


Mas vejamos mais de perto o mercado! Sob um sol de Verão, todas as cores se tornam vibrantes!


O mercado está cheio de vegetais e fruta que eu não estava habituado a ver. Como estas couves-flor roxas.


Muitos stands oferecem alimentos orgânicos.


Mas também coisas mais estranhas como estes toros de fruta, aqui cereja, damasco, kiwi, morango e pêssego.


Para aqueles de vós que pensam que os EUA são tudo sobre hambúrgueres e cheesecakes, aqui está o contra-exemplo perfeito no Pike Place Market! Uma selecção muito vasta de massas…


Fica até onde a vista alcança…


E sempre o visual preservado dos anos 50 e 60 que dá a esta bela cidade a sua singularidade.


Seria de pensar que se tratava de espargos, mas não é. Estes são os rebentos de alho que utilizo na minha receita de carne de porco com rebentos de alho…


E aqui está o alho elefante! Comprei duas cabeças que são verdadeiramente enormes!


Pode vê-lo na minha mão… Mas uma vez cozida, a cabeça de alho não é muito saborosa. No entanto, cozi-o num papillote no forno com alecrim e azeite.


Os frutos do mar são também o orgulho desta cidade e podem ser encontrados na maioria dos menus de restaurantes.



As pernas dos ‘Caranguejos Rei’ são verdadeiramente gigantes… Alguns deles podem facilmente atingir mais de um metro de comprimento!


Nas galerias do mercado, sempre os vendedores com o seu estilo retrô…


Nem imagina como foi agradável o cheiro deste stand… Uma deliciosa fragrância de amendoins assados e castanhas de caju caramelizadas…




Não só as janelas, mas também os produtos que elas contêm parecem vir de outra época.


Não deve ser posto em todas as mãos (especialmente na minha!!) este urso de peluche gigante composto por milhares de ursinhos de peluche!


Quando se sai, pode-se admirar os mirtilos mas também uma espécie de framboesa que eu não conhecia! Framboesas amarelas ou douradas.


Aqui está! Ao ver estes morels, estou a pensar em fazer um delicioso risoto de morel em breve!




Para os amantes de bolachas, esta é uma vitrina de morrer!


Este é um restaurante “Chowder”, é na verdade uma deliciosa sopa de sumo de amêijoas com bacon, batatas e cebolas, engrossada com um pouco de farinha…


O olhar na cara dos bolos americanos faz-me sempre sorrir, mas devo admitir que também sucumbi facilmente. E é uma cultura de panificação diferente mas estou sempre interessado e por vezes invejoso, como os seus queques, cheesecakes e outros bolos de cenoura…


No dia seguinte, dirigimo-nos para o Seattle Center. Para lá chegar, duas opções. Um está a pé e o outro está com o monocarril de 1962.


Vá à loja do Fudges, ‘Seattle Fudge’!


Uma vasta gama de fudges…


Tenho guardado receitas de chocolate desde os meus 13 anos. Terei de pensar nisso um dia, mesmo que já não seja tão fanático como costumava ser!


O interessante desta loja é que a lata é feita no local.



Ao pé da torre, a ‘Space Needle’, é essencial uma pausa para almoço. Não tive a coragem de fazer fila, mas este stand aparentemente tinha uma certa reputação!


Encontra-se absolutamente tudo, como estas ‘empanadas fritas’, uma espécie de empanadas (receita para um dia!!!) recheadas com carne.


Gostei muito deste reboque de donuts!


E eu fiquei intrigado com esta, que vendia sanduíches cheias de toneladas de carne!


Finalmente, fomos à loja ‘City Kitchen’ que é um paraíso mas eu não comprei assim tanto! Eu já tenho quase tudo e talvez até um pouco demais…
City Kitchen, 1527 Fourth Avenue, Seattle.


Para os cortadores de biscoitos, é ainda mais impressionante do que no mercado Kappabashi Dogugai em Tóquio!


Tomei algumas delas, tenho de encontrar novas formas para os pães curtos que estão para vir!


Havia uma secção só para colheres de gelado!


O quadro é muito escuro, mas existem duas ou três galerias deste tamanho na loja!



Antes de regressar a França, uma última visita a uma cafetaria e aos seus deliciosos pastéis…
Receitas relacionadas com esta viagem:
Bolinhos de amora
Queques de banana de chocolate
 -Cookies
k

Laisser un commentaire