Accueil Non classifié(e) Terrina de galinha em geleia de Foie Gras

Terrina de galinha em geleia de Foie Gras

Catégorie : Non classifié(e)Sal
Uma receita despretensiosa, mas que vai parecer boa para um piquenique melhorado! Não é preciso usar tanta galinha como na terrina que fiz na foto, neste caso haverá um pouco mais de geleia. Tem de fazer o que lhe apetece! Gosto tanto do foie gras, que só como “feito em casa”, que preciso de uma desculpa para o poder comer com o bom tempo a voltar. Esta terrina será perfeita: uma galinha macia e perfumada, bastante saudável, mas com um grande pedaço de foie gras no meio! 

Receita para terrina de galinha em geleia de foie gras:
-2 pequenas galinhas inteiras
-1 foie gras semi-cozido (método 1, 2, 3 ou 4!) A minha receita favorita para esta receita é 3 AQUI!
-2 cebolas
-2 cenouras
-1 bouquet garni
-1 alho francês
-1 meia garrafa de vinho branco
-1 saco de geleia da Madeira
-1 pequeno copo de vinho do Porto
-sal, pimenta, cravo-da-índia
-2 litros de água
Preparar um foie gras de acordo com o método escolhido. Eu prefiro o método de vaporização aqui. Muito prático e acima de tudo, o foie gras estará numa forma que é mais fácil de rolar para uma salsicha. 
A receita AQUI.
Preparar o caldo para a galinha. 
Comece por descascar as cenouras.




Cortar todos os legumes, manter uma das cebolas inteira e enfiar-lhe alguns cravos. Adicionar água, vinho branco, sal e pimenta.

Cozinhar este stock durante 30 minutos à
é
intimidação.



Depois deste tempo, adicionar as galinhas inteiras. 




Precisa de um pote bastante grande, porque precisa de espaço para as duas galinhas, mais o caldo!




Se a água não cobrir completamente as galinhas, não entrem em pânico! Basta virá-las a meio da cozedura e colocar uma tampa.




Colocar em lume brando à mod
é
r
é
e cozinhar durante 30 minutos.




Desligar o calor e permitir que as galinhas arrefeçam no caldo. Retirar as galinhas e drenar bem.




Recuperar durante este tempo, 500ml de caldo filtrando-o. Como é que se faz? Com uma toalha de papel absorvente que irá apanhar toda a gordura. Ponha o papel numa peneira muito fina e já está!






Descascar as duas galinhas, tendo o cuidado de remover a pele.





Só é preciso fazer peças que nem sempre são demasiado grandes.



Preparar a geleia adicionando os 500ml de caldo, um pequeno copo de vinho do Porto e o saco de geleia da Madeira. Levar à ebulição e depois deixar de lado até estar pronto a usar.




Numa forma de bolo, colocar película aderente o mais próximo possível da lata (sem bolhas de ar!). Depois colocar a galinha com bons pedaços, de cara para baixo.




Colocar uma camada de frango e depois o foie gras. Aqui está o meu foie gras cozido a vapor.




Terá de a enrolar como uma massa, numa salsicha não muito grande. 




Se a salsicha sobressair em comprimento, então basta cortá-la para caber (e comer estes pedaços no pão!).




Fechar a terrina com mais frango. Na receita, há muito frango na terrina. É possível apertar menos e deixar mais espaço para a geleia. Em qualquer caso, a galinha e a terrina não se aguentarão mais, pois não haverá espaço para a geleia fazer o seu trabalho de se aguentar. 





Acrescentar a geleia até chegar à parte superior do molde. 




Fechar a película aderente sobre a galinha. 


Colocar no frigorífico durante pelo menos uma noite. No dia seguinte, corte fatias com uma faca eléctrica, se possível!

Laisser un commentaire