Accueil Doce Thaïzeed

Thaïzeed

A primeira receita de cocktail no meu blog de culinária! Devo dizer que esta é ultra-secreta e absolutamente deliciosa, tudo o que preciso para a fazer novamente e tentar decifrar a receita em casa… É importante contextualizar as coisas. Esta bebida divina é o cocktail de assinatura do restaurante Lost Heaven em Xangai. A receita é mantida em segredo (não por muito tempo!!). Um amigo meu quase me implorou para ir prová-lo e tentar perceber de que era feito. Então fui lá (já tinha “rachado” uma receita deste restaurante: o frango com mil sabores da tribo Daï AQUI) e encomendei o thaïzeed. Fui imediatamente ao barman e expliquei que não podia sair de lá sem a composição da minha bebida. Surpreendentemente, ele fê-lo à minha frente e eu escrevi tudo. A única coisa que estava fora do comum era a vodka. Havia coisas secretas nele. Mas não tive dificuldade em reconhecer os ingredientes que tinham acrescentado de imediato. Por isso, experimentei em casa e é o clone absoluto! Fiquei tão feliz que o fiz para os convidados da minha casa e todos acharam que era um cocktail realmente espantoso. Pensei que esta era uma boa oportunidade para publicar a receita, uma vez que se trata de cocktail na verdade explosivo: é como um Tom Kah Gai: há limão, coco, pimento vermelho que irradia no palato, seguido de folhas de combava com o seu perfume especial, e finalmente gengibre fresco com o seu doce picante que dura na boca sem se queimar… A bebida do Verão! 

Receita para Thaïzeed (para um copo de 33cl):
-2 x 2Oml de vodka tailandesa
-1 dose de açúcar de cana líquido
-1 dose de sumo de lima 
-1 dose de malibu
-1/2 lima
-ice
-metade sprite e metade swcheppes para completar o copo

Thaizeed Vodka:
-1 garrafa de 70cl
-7 pimentos vermelhos de pássaro
-1 dúzia de folhas de combava
-1 peça de gengibre fresco 6-7cm

Aqui estão os ingredientes para marinar na vodka. É necessário tomar providências no dia anterior. 


Cortar as malaguetas vermelhas ao meio e rasgar um pouco as folhas de combava para expressar o seu sabor. 


Colocá-lo na garrafa e deixá-lo marinar durante pelo menos 6 horas. 


Depois deste tempo, verter para um recipiente com uma peneira fina. Todas as malaguetas, as suas sementes e folhas devem ser removidas. Devolver a vodka à garrafa, sem as malaguetas e folhas. 


Descascar o gengibre e cortá-lo em pedaços finos. 


Colocar o gengibre na vodka e marinar durante a noite antes de servir. (Nesta fase existe apenas o gengibre : não há mais malagueta ou folhas…) Depois tem de se esforçar como para a malagueta. 

Nota de Bernard:
Faço a minha vodka em dois lotes, o primeiro com as malaguetas e as folhas, depois um segundo para o gengibre pois os tempos de maceração não são os mesmos. 


Na altura de servir o dia seguinte:
Fazer uma borda de açúcar: colocar o copo num prato com um pouco de água.


Depois deitar noutro prato   contendo açúcar (mais do que o mostrado na foto, caso contrário não haverá açúcar suficiente e este correrá).


Verter as duas doses de 20ml de vodka tailandesa. 


Uma dose de açúcar de cana líquido. 


A dose de malibu. 


E a dose de sumo de lima. Completar com meia lima em pedaços. 


Acrescentar duas ou três colheres de sopa de gelo picado. 


Em seguida, encher até à borda com metade de swcheppes e metade de sprite. 


Depois decorar com uma pequena pimenta vermelha! 


Está pronto! Embebedar-se com moderação (ou não…). 

Laisser un commentaire